Prova realizou-se ontem 2 de outubro e sagrou Rui Rocha de Arouca, e Pedro Campas de Vale de Cambra campeões absolutos de Trial 4×4 e também Campeões na classe Super Promo, quando ainda falta uma prova por disputar

Naquela que é uma das cidades mais emblemáticas para a competição, a equipa arouquense RJ69 quebrou o ciclo vitorioso dos já campeões nacionais António Henriques e Miguel Costa (Lucrofusão). Após vários anos de prática da modalidade, e de uma época absolutamente irrepreensível, a dupla conseguiu desta forma o reconhecimento merecido. Apesar de não terem conseguido o primeiro lugar, já que não conquistaram o ouro em Valongo, acumularam vantagem nas 5 etapas anteriores o que já lhes permitiu “fazer a festa”. A equipa tem agora a oportunidade na última prova em Famalicão de se consagrar, uma vez que já partem como campeões.

Esta que foi a 6ª e penúltima jornada da temporada, teve 31 equipas em competição e apostou na segurança como “prioridade”, quer para as equipas como para os espectadores, tal como já havia referido a organização.

A FPAK e o Clube Trilhos do Norte já haviam anunciado as várias novidades que estiveram presentes na competição, nomeadamente um traçado novo e várias zonas de espetáculo para que o público pudesse usufruir ao máximo do circuito de Valongo.

Em prova estiveram as habituais classes do Campeonato: Super Proto; Proto; Extreme; Promoção; UTV/Buggy e FUN, e tal como nas épocas anteriores as classes Proto e Super Proto discutiram o título Absoluto.

A grande final vai ser, como referido, em Vila Nova de Famalicão a 12 e 13 de novembro.

Fique com as classificações

Absoluto

1.º António Henriques – Proto XS5 – 14 voltas

2.º Rui Rocha – Toyota Land Cruiser BJ40 – 14 voltas

3.º Daniel Carapau – Proto XS5 2021 – 14 voltas

Super Proto

1.º António Henriques – Proto XS5 – 14 voltas

2.º Rui Rocha – Toyota Land Cruiser BJ40 – 14 voltas

3.º Daniel Carapau – Proto XS5 2021 – 14 voltas

Proto

1.º Luís Bacelo – Proto Oficina Bacelo – 12 voltas

2.º António Silva – Proto XS5 – 10 voltas

3.º Miguel Marques – Toyota Land Cruiser LJ70 – 8 voltas

Extreme

1.º António Moreira – Nissan Patrol Turbo – 13 voltas

2.º Armando Sousa – Nissan Patrol Gr – 9 voltas

3.º Nuno Berenguer – Toyota LJ70 – 1 volta

Promoção

1.º Paulo Silva – Jeep YJ – 8 voltas

2.º Carlos Teixeira – Suzuki Samurai – 6 voltas

3.º Jorge Alfaia – Nissan Patrol GR Y60 – 4 voltas

UTV

1.º Carlos Martins – Bombardier CAN-Am Maverick – 7 voltas

Foto: Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting