Após alguns meses desde o início do projeto Voz Amiga, os seniores e jovens voluntários da Escola Secundária de Arouca, envolvidos no projeto Voz Amiga, estiveram juntos num encontro presencial. Os seniores ficaram a conhecer o rosto da “voz amiga”, que ao longo dos últimos tempos lhes tem proporcionado palavras de conforto e apoio. O convívio ocorreu no Restaurante Pedagógico da ESA, onde aos seniores e jovens envolvidos se juntaram à presidente da Câmara Municipal de Arouca, Margarida Belém, à vereadora do pelouro do Desenvolvimento Educativo e Social, Cláudia Oliveira, assim como à diretora do Agrupamento de Escolas de Arouca, Amélia Rodrigues, entre outros docentes também estes ligados ao Projeto.

A iniciativa Idade Maior, promovida e criada pelo Município de Arouca, veio a público durante a pandemia de Covid-19 e está, neste momento, a ser desenvolvido em parceria com o projeto “ESA Solidária”, do Agrupamento de Escolas de Arouca.

Este projeto trata-se de uma “ferramenta de solidariedade”, denominada pelo MA, em que os jovens voluntários contactam via telefone idosos que vivem sozinhos, ou com escassa ajuda de familiares e conhecidos. O mesmo tem como meta reforçar as relações entre gerações, diminuindo os efeitos da solidão, isolamento e exclusão social (impulsionados pela pandemia), valorizar os mais velhos e contribuir para criar uma sociedade mais solidária e humana. O Voz Amiga também visa a promoção do voluntariado social junto dos mais novos. Neste momento estão envolvidos na iniciativa 19 idosos e 15 jovens do ensino secundário.

Foto: Município de Arouca