A festa do futebol feminino está de volta a Aveiro, reunindo várias centenas de jovens do 1º ciclo e atletas sub-13 e sub-15. Organizada pela Associação de Futebol de Aveiro (AFA), em parceria com os CLDE de Entre Douro e Vouga e de Aveiro, a fase distrital da festa do futebol feminino é composta por várias iniciativas que, durante o mês de maio, decorrerão em diferentes municípios do distrito.

O primeiro evento realizou-se no passado dia 4 de maio, com o pontapé de saída a ter sido dado em Vale de Cambra. Da parte da tarde, as atenções centraram-se, também, na Aldeia do Futebol de Aveiro, que acolheu parte das comitivas participantes, a maioria das quais composta por jovens que integram o Desporto Escolar das respetivas entidades de ensino.

“Estas iniciativas são muito importantes, porque a escola é muito mais do que livros. Já tínhamos participado em edições anteriores e este é um daqueles momentos altos do Desporto Escolar na nossa escola”, explicou Paulo Pinhal, professor da Escola Básica da Gafanha da Encarnação, entre elogios à Aldeia do Futebol da AFA, infraestrutura que promove a atração de “muita gente para o desporto”.

O docente destacou uma “caminhada bastante grande”, que vai fazendo com que, atualmente, Portugal disponha de “seleções femininas muito boas”, numa base que começa precisamente nas escolas, que, diz, devem ser “os ‘viveiros’ que fornecem jogadoras para os clubes e para as associações”.

Na mesma linha de pensamento, José Neves Coelho, que recentemente substituiu Arménio Pinho no cargo de presidente da Associação de Futebol de Aveiro, garante que “este tipo de partilha e de encontros são muito importantes”, uma vez que “o futebol feminino é um nicho importante, crucial para o crescimento da AFA e da Federação Portuguesa de Futebol”.

Para o dirigente, este tipo de iniciativas permite “alargar a base no que diz respeito ao futebol feminino”, dando sequência ao trabalho realizado pela AFA, que vem registando “um crescimento acima da média” nesta vertente. “Tem sido feito um trabalho imenso, riquíssimo, e temos recolhido contrapartidas extraordinárias. Penso que as sementes estão lançadas e que no futuro vamos ter muito mais crescimento no futebol feminino”, apontou.

Por entre futebol e muito convívio, a festa do futebol feminino vai, até ao final do mês de maio, animar os municípios de Santa Maria da Feira (18 ou 26 de maio), Vagos (20 de maio), Arouca (24 de maio) e Aveiro (25 de maio). A iniciativa pretende promover a prática de futebol feminino junto dos mais jovens.

Fotos: AFA