Arouca vai ter uma Loja do Cidadão. A informação foi dada na última sessão da Assembleia Municipal, por parte da Presidente da Câmara, Margarida Belém, após uma interpelação da bancada do PSD. Soube-se agora, a partir do Portal BASE (a plataforma que centraliza a informação sobre os contratos públicos celebrados em Portugal continental e regiões autónomas), que a Câmara Municipal de Arouca adjudicou os serviços para a elaboração do Projeto para a Loja do Cidadão.
Este contrato, com data do passado dia 7, foi celebrado com José Soares, Arquiteto, Lda, pelo valor de 45 mil euros, com um prazo de execução de 61 dias. Este arquiteto, que projetou a polémica praça Brandão de Vasconcelos, assim como a última parte regeneração urbana da vila de Arouca, irá desenhar esta infraestrutura, no complexo do edifício do Museu Municipal.
De referir que o Espaço Cidadão é um ponto de atendimento que reúne serviços de diferentes entidades num único balcão. Neste o cidadão tem acesso a inúmeros serviços da administração central, local e de entidades privadas que prestam serviços de claro interesse público.
Existem centenas de espaços em Portugal, instalados em Lojas de Cidadão e pontos de atendimento da administração local, numa rede em constante expansão.
Atualmente, no país, estão em funcionamento mais de 600 Espaços Cidadão, que disponibilizam aproximadamente 200 serviços públicos.