O clube de Guimarães esteve a vencer por duas bolas, no entanto, acabaram por sair de terras arouquenses apenas com um ponto.

Numa partida marcada pela emoção e a contar para a sexta jornada da Liga Bwin, o FC Arouca conseguiu alcançar o empate nos últimos instantes, após se encontrar a perder por 2-0. De lembrar que, para este encontro, os 1000 bilhetes que estavam disponíveis, para o clube de Guimarães, esgotaram muito rapidamente contando o Vitória, essa noite, com uma grande massa adepta.

Ambas as equipas vinham de empates, o Vitória frente ao Belenenses e o Arouca frente ao Marítimo. O clube de Guimarães, até este encontro, não havia sofrido qualquer golo e apenas tinha marcado um frente ao Portimonense.

Logo ao minuto 7´os Vitorianos colocaram-se em vantagem por Ricardo Quaresma, que, após cruzamento de Marcus Edwards, finalizou para realizar o primeiro golo da partida. Logo a seguir o mesmo suspeito poderia ter realizado o segundo golo através de uma transição rápida pela esquerda. Após o golo dos vitorianos o Arouca despertou e o Guimarães teve de recuar as linhas visto que os arouquenses começaram a dar cada vez mais «sinais de vida».

O que restou da primeira parte foi o FC Arouca a tentar chegar ao empate, numa primeira fase através de um remate de André Silva à figura de Trmal, seguido da tentativa do avançado Bukia, igualmente à figura do guarda-redes checo. Quase na reta final do primeiro tempo os planos de FC Arouca quase que se concretizavam, encontravam quase sempre Trmal pelo caminho.

Ao irromper da 2ª parte a posse de bola seguia em maior percentagem para a equipa de Arouca, o número de faltas era igual para ambas as equipas, Vitória havia concretizado 9 remates à baliza face a 5 do Arouca, e possuía 2 cartões amarelos. Não existiram também alterações em ambas as equipas.

Segunda metade esta que ficou igualmente marcada por grande defesa do guardião do Arouca Fernando Castro, após o primeiro canto da equipa de Guimarães.

O Vitória de Guimarães aumentou a vantagem para o 2-0 ao minuto 72` por Tiago Silva, após passe de Edwards, a rematar e finalizar com eficiência.

Todavia, Armando Evangelista foi ao banco buscar a chave para reduzir a desvantagem na pessoa do palestiniano Odey Dabbagh aos 76`, que, ao isolar-se, reduziu a desvantagem para 1-2 no confronto com Trmal.

No último quarto de hora o único protagonista foi o FC Arouca que procurou sempre alcançar o empate, acabando mesmo por o atingir, no finalizar da partida, aos 90+4` pelo ex jogador do F.C Porto B.Pité.  

O Vitória de Guimarães somou, desta forma, o seu quarto empate na primeira Liga, esta época, e permanece no 10º lugar, com 10 pontos. Já os Arouquenses somam o terceiro jogo sem vencer e seguem na 12ª posição, com cinco pontos.

O treinador Pepa adiantou ao Jornal a Bola que «Nem eu esperava, nem ninguém. É esquisito estar a dizer que fizemos um bom jogo, tivemos muitas oportunidades de golo. Não temos que entrar com a bola na baliza, temos é que fazer golo e ter mais frieza na zona de finalização. Tivemos oportunidades claras para o volume ser diferente, mas não o conseguimos. Não vou individualizar os erros, acontecem a quem está lá dentro, também temos de fazer golos e não vale a pena apontar o dedo à defesa quando não fazemos golos na frente. Sentimos a equipa intranquila e [o golo do empate] foi um soco tremendo. No último minuto, foi o que foi, um lance ingrato. Fica aqui um ponto, para nós é uma derrota e uma batalha perdida, mas a guerra é feita de batalhas e acreditamos que no final vamos sair vencedores», adiantou o treinador Vitoriano admitindo que os jogadores do Vitória ficaram intranquilos após o golo do Arouca.

De recordar que, no início da partida, existiram alguns confrontos entre a claque do Vitória de Guimarães e os militares da GNR.

11 inicial Vitória Sport Clube

Trmal\ Falaye Sacko\ Jorge Fernandes\Munin\ Rafa Soares \ Tomás Handel \André André\ Tiago Silva\ Marcus Edwards \ Ricardo Quaresma e Óscar Estupinan;

Suplentes Vitória Sport Clube

Bruno Varela\ Lameiras \Bruno Duarte\ Amaro\ Gui\ João Ferreira\ André Almeida\ Herculano e Nicolas Janvier;

Treinador

Pepa

11 inicial F.C Arouca

Fernando Castro \ Thales Olenques \ Basso \ Abdoulaye \ Mateus Quaresma \ Eboué Kouassi\ Pedro Moreira \ Bukia \ Eugeni \ Tiago Araújo \ André Silva;

Suplentes F.C Arouca

Victor Braga \ Brunão \ Arsénio \ Adílio \ Pité \ Oday Babbagh \ Or Dasa \ Leandro \ Tiago Esgaio;

Treinador

Armando Evangelista

Texto Ana Castro

Fotos Pedro Fontes