De 6 a 12 de agosto a GNR levou a cabo um conjunto de operações com o objetivo de combater a criminalidade e a sinistralidade rodoviária registando os seguintes dados:

Detenções: 380 detidos em flagrante delito, destacando-se:

·         164 por condução sob o efeito do álcool;

·         106 por condução sem habilitação legal;

·         29 por tráfico de estupefacientes;

·         13 por posse ilegal de armas e arma proibida;

·         Nove por furto e roubo;

·         Três por violência doméstica.

Apreensões:

·         24 277 doses de haxixe;

·         12 009 pés de canábis;

·         377 doses de liamba;

·         105 doses de cocaína;

·         113 doses de heroína;

·         15 armas de fogo;

·         10 armas brancas ou proibidas.

Trânsito:

Fiscalização: 8 319 infrações detetadas, destacando-se:

·         5 619 excessos de velocidade;

·         527 por falta de inspeção periódica obrigatória;

·         448 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;

·         339 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;

·         235 relacionadas com anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização;

·         225 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;

·         163 relacionadas com tacógrafos;

·         161 por falta de seguro de responsabilidade civil.

Fonte: GNR