Os dados preliminares dos Censos 2021, divulgados esta quarta-feira, revelam que Castelo de Paiva perdeu 6,8% de população desde o último recenseamento feito em 2011, contabilizando uma perda de 1136 habitantes em dez anos, estando o concelho já abaixo dos 15 600 residentes.

O PSD e a candidatura autárquica liderada por José Rocha consideram estes indicadores alarmantes, e merecedores de uma séria reflexão por parte de toda a comunidade paivense. “Os dados dos Censos são verdadeiramente dramáticos e demonstram que o Partido Socialista não consegue pôr em prática uma estratégia de desenvolvimento, capaz de atrair investimento, gerar dinamismo económico e reter população no concelho”, considera José Rocha, candidato do PSD às Eleições Autárquicas de 2021.

“Das 1741 pessoas que Castelo de Paiva perdeu desde os Censos de 2001, quase dois terços correspondem aos últimos dez anos. É o resultado da inoperância e incompetência da governação socialista, que esteve mais preocupada em esconder os problemas para debaixo do tapete, do que em resolver as carências estruturais do concelho, nas áreas da economia, da habitação ou dos serviços básicos e saneamento”, acrescenta o cabeça de lista.

Para José Rocha, os números mais alarmantes dizem respeito à zona do Couto Mineiro, que tem menos 483 habitantes do que os registados em 2011. “Olhando para as freguesias, percebemos que 42% do total de residentes perdidos (quase metade!) dizem respeito à União de Freguesias de Raiva, Pedorido e Paraíso, o que é demonstrativo da inércia e do esquecimento que o executivo do Partido Socialista tem demonstrado em relação à região do Couto Mineiro”, afirma.

“A divulgação dos dados preliminares dos Censos 2021 é, para o PSD de Castelo de Paiva, um sinal evidente de que o concelho precisa de uma mudança urgente, capaz de inverter este rumo de estagnação e de subdesenvolvimento. Pelo seu potencial, pela riqueza dos seus recursos naturais, pela sua localização, história, instituições e pessoas, Castelo de Paiva merece uma nova governação autárquica.”, finalizou José Rocha.