Os vereadores eleitos pelo PSD na Câmara Municipal de Castelo de Paiva acusam o presidente do executivo, Gonçalo Rocha, de falta de transparência nos gastos relativos ao programa televisivo Aqui Portugal, da RTP, que se realizou no passado sábado dia, dia 24 de julho, nesse concelho.

“É evidente que a Câmara Municipal fugiu à verdade quando primeiro diz que aceitou “o convite da RTP”, para depois confessar tratar-se de um ato de publicidade paga. Ato esse que mais parece uma ação de campanha eleitoral, cuja fatura foi entregue a todos nós”, afirmam os sociais-democratas.

O Município diz que o programa da estação pública custou aos cofres da Câmara dois mil euros, valor que deixou dúvidas nos vereadores do PSD. “Causa estranheza que um programa desta estrutura custe apenas dois mil euros à Câmara Municipal. Basta consultar o site de um Município mais transparente do que Castelo de Paiva, como São João da Madeira, para verificar que esse executivo, para o mesmo programa, gastou mais de cinco mil euros só em aquisição de serviços. Alguém acredita que Castelo de Paiva conseguiu o mesmo produto a preço de saldo?”.

O PSD criticou ainda a falta de uma política cultural no concelho. “Não podemos calar o facto de Gonçalo Rocha, a dois meses das eleições, estar a usar dinheiro do Município para propaganda politica. Dinheiro que podia ser utilizado para valorizar verdadeiramente os agentes culturais locais ou apoiar o nosso comércio, que se vê novamente asfixiado com as novas medidas de confinamento.”

Foto: Município de Castelo de Paiva