Prestes a iniciar a época balnear nas zonas de recreio e lazer e na praia fluvial do concelho, o Discurso Directo procurou saber, junto da Câmara Municipal de Arouca, de que forma está a ser preparado este Verão, para garantir as condições de segurança em tempo de pandemia.

No município de Arouca a época balnear tem início a 19 de junho e termina a 19 de setembro.

Segundo a autarquia para além das equipas fixas de nadadores salvadores na praia fluvial do Areinho e nas piscinas exteriores do Complexo Desportivo Municipal de Arouca, vamos ter 4 dias por semana e com maior incidência nos fins-de-semana, nas zonas de recreio e lazer do Areinho, Vau, Espiunca, Albergaria da Serra e Meitriz, uma equipa móvel composta por 2 pessoas – 1 operacional vocacionado para o socorro e 1 nadador salvador – a dar apoio aos utilizadores dos espaços utilizados. Estes 2 operacionais farão também a sensibilização junto dos banhistas, nomeadamente sobre comportamentos potencialmente perigosos, e reforçarão a importância de serem seguidas as recomendações da Direção-Geral da Saúde no que respeita à prevenção de contágio pela Covid-19”.

“Esta ação intitulada “Verão Seguro” tem como objetivo prevenir ocorrências de afogamentos e consciencializar os munícipes e visitantes para a segurança aquática no seu todo e em contexto de Covid-19, transmitindo-se uma mensagem de segurança aos banhistas”, afirmou ainda a Câmara Municipal de Arouca.

Na única praia fluvial do município, no Areinho, “será assegurada vigilância em permanência durante toda a época balnear”. Já nas zonas de recreio e lazer do Areinho, Vau, Espiunca, Albergaria da Serra e Meitriz e conforme referido acima, vai estar uma equipa móvel composta por 2 pessoas – 1 operacional vocacionado para o socorro e 1 nadador salvador – a dar apoio aos utilizadores dos espaços utilizados.

A autarquia acredita que a praia fluvial do Areinho e as zonas de recreio e lazer vão ser espaços “muito procurados”, à semelhança do que tem acontecido em verões anteriores: “por parte do Município, estão a ser desenvolvidos todos os esforços para um verão em segurança, cumprindo nomeadamente todos os requisitos da DGS no que concerne à Covid-19”.

Foto: Arquivo