Vitor Arouca, candidato à União de Freguesias de Arouca e Burgo nas eleições autárquicas de 2021 usa as redes sociais para alertar para um conjunto de situações em que o acesso a pessoas de mobilidade reduzida não está garantido.

Em declarações ao DD dá como um bom exemplo a distinção da “Ponte 516” que considera inclusiva e refere que “é necessário garantir o acesso a pessoas com mobilidade reduzida a locais como o gabinete de atendimento da presidência, reuniões de câmara e assembleias municipais realizadas no edifício da Câmara Municipal, bem como ao edifício das Finanças em Arouca.” Acaba por afirmar que ainda “Há muito trabalho a fazer no que respeita à mobilidade urbana e as imediações do Estádio Municipal são apenas um exemplo das dificuldades que uma pessoa com mobilidade reduzida enfrenta em muitos arruamentos do centro de Arouca.” Em jeito de conclusão conta que “não espera a perfeição de um dia para o outro mas que haja progresso no que a esta temática diz respeito.”