O Prémio Longa Metragem de Ficção foi para o filme “Elvis volta a casa” de Fatmir Koci nesta 4ª edição do “Paisagens, Festival Internacional de Cinema de Sever do Vouga”

O Júri atribuiu ainda o Prémio de Melhor Curta Metragem de Ficção ao Filme “Boca do Inferno” de Luís Porto (Portugal), e ainda o de melhor documentário de Longa-Metragem ao filme “Por detrás da moeda”( de Luís Moya, Portugal).

O Prémio Melhor Curta Metragem de Animação foi para ao filme “Piu-piu” de Zhanna Bekmambetova da Rússia e o Melhor Documentário de Curta-Metragem foi atribuído ao filme “Juan Brito – Tamia”, de Alfonso Palazón de Espanha.

Para além destes prémios, o Júri decidiu atribuir ainda Menções Especiais aos seguintes filmes:

Menção Honrosa ao documentário de longa-metragem:

“Sobre Sonhos e Liberdade” (de Francisco Colombo e Marcia Paraíso, Portugal/Brasil);

Menção Honrosa à curta-metragem de ficção

“A tua vez” (de Cláudio Jordão e David Rebordão, Portugal);

Menção Honrosa à curta-metragem de animação

“Dois Balões” (de Mark C. Smith, EUA);

Filipe Pereira (Portugal) encenador, Inês Abreu (Portugal) atriz, Justine Pietu (França) investigadora, Madina Ziganshina (Rússia) artista plástica, Mariana Lopes (Portugal) investigadora; M. F. Costa e Silva (Portugal) realizador e docente universitário; Simone Saibene (Itália) realizadora; Miguel Almeida (Portugal) realizador e editor de imagem; João Machado (Portugal) técnico de multimédia e Adriana Fernandes (Portugal) técnica de som e imagem, foram o júri internacional que atribuiu os prémios e as menções honrosas.

O evento, que se iniciou na sexta-feira passada, dia 28 de maio, reuniu 35 filmes em competição, vindos de 14 países. Houve tempo ainda para António Costa Valente, cineasta e docente da Universidade do Algarve, que apoiou o Paisagens desde a primeira edição, ser homenageado. A cerimónia decorreu no Centro de Artes e do Espetáculo.

No sábado, dia 29, na Biblioteca Municipal, o “Dia da Criança” foi comemorado com uma seleção de filmes de animação, do mundo, que foram exibidos durante todo o dia. Neste espaço, esteve também presente uma exposição de desenhos do já falecido artista Nelson Pinho. Estas obras irão integrar o livro infantojuvenil, “Tico e a Fada da Ria”, de José Vieira, tendo sido apresentado este projeto editorial e audiovisual, que, proximamente, deverá envolver os municípios da Ria de Aveiro, com o alto patrocínio da Região de Aveiro (CIRA), e dos seus municípios.

Paralelamente, foi também apresentada a 1ª edição do “Prémio Helena Ramos” que, tendo já as inscrições abertas e a decorrer até ao dia 31 de julho, irá estimular a produção de curtas-metragens, em Sever do Vouga, com a gala de apresentação dos vencedores prevista para setembro. O regulamento pode ser consultado no website oficial do festival.

Ainda no dia 29 de maio, no CAE, foi apresentado o filme “Uma Experiência em Sever”, filmado no concelho em 1971 por Paulo Rocha e que comemorou este ano 50 anos, numa organização do Museu Municipal.

PAISAGENS, Festival Internacional de Cinema de Sever do Vouga, já está a pensar na 5ª edição que deverá acontecer de novo em maio do próximo ano.

O Festival Internacional de Cinema de Sever do Vouga é uma organização da Câmara Municipal.