FC Arouca de Primeira vence e convence diante do Rio Ave FC

Sem alterações deste a última jornada dos seus campeonatos, Arouca e Rio Ave entravam em campo em busca de se aproximar de uma vaga na Liga Bwin na próxima temporada. Do lado arouquense, nem o pouco tempo de descanso levou a alterações no onze inicial.


A partida começou morna e com as equipas conscientes da importância deste encontro. Os vila-condenses até tiveram as primeiras investidas, primeiro Meshino, depois Pedro Amaral e Carlos Mané, mas sem grande pontaria para o alvo defendido por Victor Braga. À passagem da meia-hora de jogo, o Arouca engrenou a mudança e tomou o controlo da partida.


O primeiro remate enquadrado surgiu por Arsénio que rematou à figura de Kiezsek, e poucos minutos depois, jogada no flanco direito começada por Basso que passou para Bukia, e terminou com Thales a assistir Pité, que apontou o seu 3º golo em 2 jogos.


Ao intervalo, o Arouca teve de substituir o marcador do único golo da partida até então. Pité terminou a primeira parte com queixas físicas e para o seu lugar entrou Ofori.


E ao minuto 58’, num livre estudado convertido por Arsénio, o lado direito dos arouquenses voltou a fazer estragos, com Thales a assistir Sema Velázquez, que não perdoou e aumentou a vantagem para a equipa da casa. O defesa central venezuelano festejou emotivamente beijando o símbolo do clube onde já jogou na Primeira Liga.
Era expectável uma resposta do Rio Ave, mas isso não aconteceu e a direita arouquense voltou a fazer estragos, com um cruzamento de Bukia a encontrar André Silva que colocou o marcador em 3-0.


Nos minutos finais, surgiu a equipa que diz ser de Primeira Liga em busca de fazer o golo de consolação, que nesta eliminatória poderia valer ouro, mas os remates de Júnior Brandão e Guga não encontraram o alvo.


Para a surpresa dos desatentos, este Arouca mostrou a sua qualidade e dominaram por completo o Rio Ave, que no início da temporada até esteve perto de derrotar o AC Milan. Com três golos de vantagem e sem golos sofridos, os arouquenses partem para a 2ª mão deste playoff com uma vantagem considerável e com um pé na Primeira.

Adeptos apoiam Jogadores na saída para o Estádio
André Silva a dominar de peito
Homem do Jogo