O acidente que vitimou quatro crianças na escola da Vila em Mansores, no passado dia 14 de Abril, parece não ter responsáveis. Duas crianças, internadas em estado grave, uma com traumatismo craniano e outra com fratura na coluna, tiveram alta a semana passada e continuam em recuperação em casa, esperando-se que tudo corra pelo melhor e que não fiquem mazelas para o futuro.

A queda do poste de suporte de uma rede de vedação aconteceu sem qualquer ação mecânica ou por força de um temporal. O poste simplesmente partiu a traquete porque estava podre como prova a foto tirada no local, no dia do acidente.

Agora há que apurar:

Quem são os responsáveis pela manutenção destes equipamentos? Quem devia já há muito ter mandado retirar a rede e os postes podres? E as autoridades foram ou não alertadas para esta situação? Vai haver inquérito de averiguações? E se houver lugar a indeminizações às crianças? São interrogações que deixamos aqui para que “a culpa não morra solteira”.

E já agora que se aproveite para inspecionar todos os equipamentos públicos do concelho para que tragédias como esta não se repitam.

Texto e Foto: Carlos Pinho