Fica-se pela noite dentro colado ao ecrã da TV. Razões não faltam: há música e na música está
por ali um pouco de nós. Está ali o Simão, pleno de energia sedutora, que com engenho e
nobreza cativa e dá pleno significado a uma arte nobre.
No seu rosto, ao longo da exigente prova, está a felicidade de fazer o que gosta.
O Simão canta em português com identidade, humildade e carisma. Com tudo isso, por tudo
isso, vence e chora! Há por ali uma lágrima nossa. Há um orgulho desmedido. Ele foi um de
nós. Ele é toda uma Arouca que não se cansa de referenciar. Dizem-no embaixador. Talvez!
Foi só um concurso! Sim, que se fez de emoção sentida, que extravasou um concelho. Os
testemunhos deixados nas redes sociais evidenciam uma comunidade que se mobilizou como
nunca; desde o principal clube de futebol ao emigrante mais distante.
O Simão depois de vencer o “ The Voice Kids”, vai representar Portugal no festival Eurovisão
Júnior, em França. Estou convicto que o fará com o mesmo empenho, dedicação, coragem e
peculiar talento.
Voltaremos a estar contigo!

O Diretor
Óscar Pinho Brandão