O Discurso Directo acompanhou o trabalho de uma equipa de profissionais de saúde, em mais um dia de vacinação no concelho de Arouca. Esta está especialmente direcionada às populações mais vulneráveis e limitadas na sua capacidade de deslocação.

Esta equipa, constituída pela médica Ana Rita Gomes e a enfermeira Isabel Noite (acompanhadas pelo motorista Ivo Correia, fazem parte de uma “unidade móvel de vacinação”, que entrou em funcionamento há cerca de três semanas, como resultado de uma parceria entre o Agrupamento e Centro de Saúde Feira/Arouca (Ministério da Saúde) e a Fundação Calouste Gulbenkian.

De referir que Arouca é um dos concelhos que integra a fase piloto deste projeto, que assim possibilita o alargamento do processo de vacinação a um grupo específico da população.

Na foto registamos a vacinação de Maria da Conceição Noites, que vive no lugar de Felgueira, na freguesia de Rossas.

Este processo de vacinação ao domicílio fica concluída em todo o concelho de Arouca nos primeiros dias.

Centro de Saúde de Arouca vacinou professores arouquenses

A vacinação de 65 a 70 mil professores e profissionais educativos começou no passado fim de semana e é a primeira experiência de inoculação em massa em Portugal. Só no sábado foram vacinados 27 mil profissionais, do Pré-escolar e do 1.º Ciclo, contra a Covid-19, numa operação com alguns percalços. Dentro de duas semanas, a 10 e a 11 de abril, quando as primeiras doses chegarem aos docentes e funcionários dos restantes ciclos, o país já terá capacidade para vacinar 100 mil pessoas por dia. Para isso, vão contribuir as 1,8 milhões de doses que chegam só no mês de abril.

Foram convocados mais de 70 mil profissionais ligados à educação e houve um “número muito reduzido” de respostas negativas, entre 1% a 2%, revelou o responsável da “task-force” aos jornalistas, adiantando que os que já tiveram Covid-19 ficaram de fora desta fase. Em Arouca o local escolhido foi o Centro de Saúde onde ocorreram dezenas de professores dos dois Agrupamentos de Escolas; o da Sede do Concelho e o de Escariz. Texto: OB. Fotos: Carlos Pinho.

Inoculação.