À semelhança do que aconteceu em 2020, o Município de Arouca vai antecipar de imediato a concessão de apoio às Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) e às associações de natureza cultural, social, recreativa e desportiva que beneficiaram do apoio financeiro municipal no ano anterior. Será assim adiantado 50% do valor correspondente ao subsídio atribuído no ano transato, por conta do subsídio a atribuir no ano em curso. A parte restante do subsídio que eventualmente venha a ser atribuído a estas entidades ficará condicionada à apresentação e aprovação da respetiva candidatura, nos termos e prazo previstos no regulamento municipal. A medida foi aprovada por maioria na reunião de Câmara de 5 de janeiro de 2021.

“Devido à situação excecional e complexa que atravessamos devido à Covid-19, as IPSS e as associações têm atravessado tempos difíceis e se já antes necessitavam do apoio da Câmara Municipal para sobreviverem, agora ainda mais. As primeiras têm sido fortemente fustigadas por esta pandemia e as associações ficaram muito condicionadas nas atividades que desenvolvem – de enorme relevância para o município – tendo dificuldades em assegurar o seu próprio funcionamento”, pode ler-se na proposta submetida a aprovação do Executivo.

Recorde-se que a antecipação da concessão de apoio às IPSS e associações fez parte do pacote de medidas de apoio às famílias e à retoma da atividade municipal e económica aprovado em abril de 2020. CMA