Noite fria em Arouca e o duelo prometia, se por um lado o Arouca poderia se aproximar dos lugares cimeiros, por outro a Académica em caso de vitória aproveitava o deslize do Feirense para se colocar no 2º lugar da tabela classificativa.


O jogo começou a medo e com ritmo baixo, com as equipas a tentarem-se conhecer mutuamente, contudo maior posse de bola por parte da equipa arouquense, tal como se veio a notar em toda a partida (56-44). Ainda no decorrer dos 30’ iniciais, Bouldini num cabeceamento dentro de área testou os reflexos de Victor Braga, o mesmo Bouldini que à passagem do minuto 32’ num lance de entendimento dos estudantes viria a inaugurar o marcador, e a isolar o avançado marroquino no topo dos artilheiros da Liga Portugal 2 Sabseg com 8 golos.


Na reação, a equipa Arouquense teve várias oportunidades, primeiro Leandro Silva em zona frontal a rematar por cima da baliza defendida por Mika, quase em seguida, cruzamento no direita de Thales e André Silva com um toque de classe a levar a bola a embater com estrondo na baliza defendida por Mika. Ainda antes do intervalo, Adilio apareceu na pequena área a desviar, mas a bola não levou a direção da baliza.


Ao intervalo, o treinador Armando Evangelista, trocou Adílio pelo estreante Arsénio, que logo nos primeiros momentos da partida cruzou na esquerda para Pedro Moreira, que viu o golo ser evitado por Mika. A equipa arouquense prometia e rondava a área da Briosa, que defendia a margem mínima, mas em 2 minutos tudo viria a mudar, Brunão foi admoestado com duplo cartão amarelo e respectiva expulsão, o que condicionou o jogo do Arouca a partir de então. Com menos 1 elemento, o emblema da Serra da Freita não conseguiu incomodar a baliza da Académica e viria ainda o resultado ser dilatado por Rafael Furtado à passagem do minuto 88’ num lance de contragolpe.


Esta foi a segunda derrota consecutiva do Arouca por 2-0, que vê assim os lugares de subida a 5 pontos, numa altura em que se prepara para o jogo da 15ªjornada frente ao Casa Pia, agendado para o próximo domingo às 17:00.

O onze inicial