O Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga (CHEDV) iniciou ontem, terça-feira, a vacinação dos profissionais de saúde contra a covid-19, tendo disponível nesta primeira fase 595 vacinas.

O início da vacinação no CHEDV, que integra os Hospitais de São João da Madeira, São Miguel em Oliveira de Azeméis e São Sebastião em Santa Maria da Feira, aconteceu às 08h30, sendo as primeiras vacinas administradas ao enfermeiro Osvaldo Silva, do Serviço de Urgência da Unidade de São João da Madeira, a Miguel Dimas Pais, assistente operacional da Unidade de Oliveira de Azeméis e a Sandra Silva, enfermeira do Serviço de Medicina Interna da Unidade de Santa Maria da Feira.

Miguel Paiva, Presidente do Conselho de Administração do CHEDV, enalteceu o trabalho de todos os que permitiram que este processo de vacinação se tivesse operacionalizado tão rapidamente. “Este é um momento muito importante, porque vamos oferecer aos nossos profissionais uma maior segurança para o exercício da sua actividade, numa altura em que a evolução da pressão derivada dos casos de Covid-19 na comunidade ainda é elevado”, referiu Miguel Paiva. “Dando-lhes esta protecção conseguiremos que reforcem ainda mais o elevado espírito de entrega e de missão com que têm lidado com esta pandemia, dando-nos a todos a esperança de que possamos começar a caminhar para uma maior normalidade no ano de 2021 que está prestes a começar”, acrescentou o responsável do CHEDV.

No âmbito do plano de vacinação contra a pandemia, a prioridade é dada aos grupos de riscos na linha da frente do combate à covid-19, entre os 595 profissionais do CHEDV a receber vacina nesta fase inicial incluem-se os que exercem funções na Unidade de Cuidados Intensivos, no Serviço de Urgência e nas alas de internamento Covid-19.