O processo partilhado entre a Câmara e as Juntas de freguesia regista atrasos e continua a dificultar sobretudo quem faz entrega de correio e de encomendas. Há que não goste do nome da “sua” rua.

Não tem sido um processo fácil a atribuição da toponímia nas diferentes freguesias e união de freguesias do concelho de Arouca. Apesar de alguns avanços registados neste mandato autárquico ainda há algumas com o processo atrasado. De referir que este tem sido um processo partilhado entre os autarcas de freguesia e da Câmara, com a última decisão a caber ao Executivo. No entanto algumas das escolhas tem criado polémica. Estas têm chegado à redação do nosso jornal e expressas também pelas redes sociais. Como reconheceram vários autarcas de freguesia este é um problema complexo, sendo difícil agradar a todos, referindo que os protestos têm sido residuais.

A última informação sobre esta matéria, e que foi dada a conhecer na Assembleia Municipal de setembro, referenciava: Junta de Freguesia de São Miguel do Mato: foi aprovada em reunião de Câmara de 05.05.2020 a proposta de toponímia. Em fase de divulgação das alterações às entidades; Junta de Freguesia de Chave: foi aprovada em reunião de Câmara de 21.04.2020 a proposta da 2.ª alteração à toponímia. Em fase de divulgação das alterações às entidades; Junta de Freguesia de Urrô 1.ª fase: foi aprovada em reunião de Câmara de 05.05.2020 a proposta de toponímia. Em fase de divulgação das alterações às entidades. União de Freguesias de Arouca e Burgo: o processo de toponímia relativo à antiga freguesia de Burgo foi aprovado em reunião de Câmara de 02.06.2020. No que se refere a esta União de Freguesias, e ao que conseguimos apurar, está a ser articulado com a Câmara o aspeto da placa pelo nome das ruas e os números de porta deverão ser colocados brevemente.

No que diz respeito a outras freguesias e união de freguesias, e tal como já noticiamos tendo como base na “Informação da Atividade Municipal” da sessão anterior, Albergaria da Serra e Cabreiros, a junta de Freguesia entregou no departamento específico da Câmara, a delimitação das ruas e proposta de topónimo dos lugares de Albergaria da Serra, Merujal, Castanheira e Cabreiros – aprovados em Assembleia de Freguesia das extintas freguesias de Albergaria da Serra e da Freguesia de Cabreiros. Aqui ficou a saber-se que foram elaboradas as fichas de atribuição de topónimo e que está em fase de preparação de elementos para envio ao Presidente da Junta.

Na Freguesia de Rossas, na sequência da proposta apresentada pela Junta de Freguesia, os serviços da Câmara sugeriram algumas alterações, que foram remetidas à consideração da referida Junta. Enquanto isso em São Miguel do Mato a Junta solicitou o reenvio do processo contendo este, “breves sugestões de alteração”.

Na União de Freguesias de Canelas e Espiunca foi concluída a elaboração das fichas de atribuição de topónimo para a área de Canelas. A proposta foi analisada e está em fase de preparação de elementos para envio ao Presidente da Junta.

Em Fermedo a Câmara aguarda a publicação dos limites administrativos da freguesia de São Miguel do Mato e Fermedo, para conclusão do processo. Esta informa que foi acordado que iria ser remetido para aprovação parte da freguesia que não interfere com a alteração dos limites.

Na Freguesia de Várzea, a Junta solicitou cartografia para iniciar o processo de atribuição de toponímia.

Na União de Freguesias de Covêlo de Paivó e Janarde foi entregue por parte da Junta de Freguesia à Câmara um CD contendo proposta de atribuição de topónimo para as ruas da freguesia. Um processo que se encontra em fase de análise da informação recebida.