O Conselho de Ministros aprovou, no passado sábado, um conjunto de medidas que já tinham sido estabelecidas para os concelhos de Felgueiras, Lousada e Paços de Ferreira, sendo que agora as alargou a 121 concelhos.

As medidas entraram em vigor hoje, dia 9, ao abrigo do estado de emergência, e mantém-se até 23 de novembro, podendo ser renovadas. Arouca, Vale de Cambra e Castelo de Paiva integram a lista dos 121 concelhos.

As medidas são as seguintes:

– Limitação de circulação na via pública nos 121 concelhos, entre as 23h e as 5h, exceto se estiver a trabalhar, regressar a casa ou emergência, entre outros;

– Limitação de circulação na via pública nos 121 concelhos, ao fim-de-semana a partir das 13h, exceto se estiver a trabalhar, regressar a casa ou emergências, entre outros;

– Controlo de temperatura corporal, no acesso a locais de trabalho, estabelecimentos de ensino, meios de transporte, espaços comerciais, culturais e desportivos;

– Testes de diagnóstico em estabelecimentos de saúde, lares, estabelecimentos de ensino, entrada e saída de território continental, estabelecimentos prisionais ou outros locais determinados pela DGS;

– Utilização de estabelecimentos de saúde dos setores privado e social;

– Mobilização de recursos humanos para reforço da capacidade de rastreio: trabalhadores em isolamento profilático, trabalhadores de grupos de risco, professores sem componente letiva, militares das forças armadas.

Escola Básica de Paços, em Moldes, encerrada devido à Covid-19

A Escola Básica de Paços, na freguesia de Moldes, em Arouca, encontra-se encerrada depois de uma aluna e uma funcionária (mãe e filha) terem testado positivo à Covid-19. Segundo nos informou fonte da Junta de freguesia e também do próprio estabelecimento de ensino, a escola encontra-se encerrada desde a passada sexta-feira, dia 6 e assim permanecerá durante, pelo menos, 14 dias, respeitando as ordens do delegado de saúde.

Número de infetados aumentou em Arouca, Vale de Cambra e Castelo de Paiva

Segundo informação avançada pelo município de Arouca, são neste momento 110 os casos ativos de Covid-19 no concelho. O número de arouquenses infectados desde o início da pandemia é de 453, sendo que 335 estão recuperados. Contam-se ainda oito óbitos.

No município de Vale de Cambra os casos positivos têm aumentado nos últimos dias, não se sabendo o número certo de vigilâncias ativas, devido ao elevado volume de trabalho da Autoridade de Saúde. Desde o início da pandemia são 383 os casos positivos. “Sabemos que as medidas do Estado de Emergência decretado pelo Governo são lesivas para os nossos comerciantes e em particular para a hotelaria e restauração. Tenho vindo sistematicamente a alertar para a importância da mudança de comportamento e do cumprimentos das regras amplamente divulgadas. O sucesso do combate à pandemia está em cada um de nós. Vamos cumprir, vamos dar o exemplo, todos juntos mas separados, vamos conseguir”, apelou José Pinheiro, presidente da Câmara Municipal de Vale de Cambra, na sua página de facebook.

No município de Castelo de Paiva existem 147 casos ativos. No relatório da autoridade de saúde local constam ainda 116 recuperados e três óbitos no concelho desde o início da pandemia.

Gonçalo Rocha, presidente da Câmara Municipal de Castelo de Paiva, reforçou o apelo para que a população siga as regras impostas face ao novo coronavírus: “respeite as medidas de prevenção e higienização, use a máscara e evite aglomerados de pessoas. Seja um agente de saúde pública! Proteja-se e proteja quem estiver à sua volta. Com calma, sensatez e civismo, juntos vamos vencer!”.