Cerca de 100 kg de lixo removido das margens do Rio Paiva

Vamos Limpar o Rio Paiva’ juntou voluntários de todas as idades na defesa do rio. No total, foram recolhidos cerca de 100 kg de lixo nas margens do Rio Paiva. Desde 2013, mais de uma tonelada de lixo já foi recolhido das margens do rio.

Cerca de uma centena de voluntários uniram-se para recolher lixo nas margens do Rio Paiva no âmbito da campanha “Vamos Limpar o Rio Paiva”, criada em 2013 pela associação S.O.S. Rio Paiva.

A iniciativa tem por objetivo sensibilizar a população para o problema do lixo acumulado nas margens do Rio Paiva, e alertar para os problemas de poluição que afetam este curso de água, conhecido durante muitos anos como “o mais limpo da Europa”.

Durante a manhã, voluntários de todas as idades mobilizados pela Associação de Pais do Agrupamento de Escolas de Vila Nova de Paiva, concentrou-se na Junta de Freguesia da vila, onde foram criados dois grupos para a recolha de lixo, que incluíam elementos do Serviço de Proteção da Natureza (SEPNA) da GNR e Juntas de Freguesia de Vila Nova de Paiva, Alhais e Fráguas e União de Freguesias de Peva e Segões.

As ações de recolha de lixo decorreram durante toda a manhã nas praias fluviais de Segões e Quinta da Azenha, no concelho de Moimenta da Beira e em Fráguas e Parque Urbano de Vila Nova de Paiva, tendo sido recolhidos vários quilos de resíduos, principalmente, embalagens, plásticos, pneus, pontas de cigarro, etc.

A campanha prosseguiu da parte da tarde, na zona de Várzea (Castelo de Paiva), um local muito frequentado durante a época balnear. Os voluntários de todas as idades, em parceria com o Projecto VIDA, recolheram vários quilos de resíduos deixados pelos turistas ou que foram arrastados pelas correntes.

Menos lixo em 2019

A iniciativa foi um grande sucesso, pela quantidade de lixo retirado das margens do Rio Paiva, mas também pelo excelente convívio proporcionado que contribui para a sensibilização da população.

A S.O.S. Rio Paiva regista com agrado uma preocupação cada vez maior da população em respeitar a natureza, levando consigo o lixo produzido. A quantidade de lixo deixado nas margens do rio foi, este ano, bastante inferior à que foi recolhida em edições anteriores desta campanha, sinal que as pessoas estão cada vez mais sensibilizados para este problema.

Ainda assim, foi possível verificar vestígios de campismo selvagem em alguns locais onde tal não é permitido, restos de fogueiras e vários resíduos deixados pelos campistas.

Mais de uma tonelada de lixo recolhido desde 2013

Felizmente há uma consciência cada vez maior para este problema. Graças a esta iniciativa, vários quilos de lixo foram depositados no ecoponto, evitando que fosse arrastado pelas correntes de Inverno, acabando agarrado à vegetação ao longo do vale do Paiva ou no oceano Atlântico.

Desde o início desta campanha, nas várias ações de recolha de lixo realizadas nestes últimos anos nos municípios de Castelo de Paiva, Cinfães, Arouca, Castro Daire, Vila Nova de Paiva, Moimenta da Beira e Sernancelhe, já foram recolhidos das margens do Rio Paiva mais de uma tonelada de resíduos.

S.O.S. Rio Paiva.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.