Segundo informações avançadas pela S.O.S. Rio Paiva, “a praia fluvial do Areinho, no Rio Paiva (Arouca) está interdita a banhos, de acordo com informação da Agência Portuguesa do Ambiente – Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos (SNIRH)”. Segundo esta entidade, a interdição é devida à presença de Salmonella nas análises à qualidade da água do Rio Paiva.

O SNIRH não adianta mais informações, remetendo mais esclarecimentos para a Autoridade Regional de Saúde do Norte (Departamento de Saúde Pública), entidade responsável pela interdição de águas balneares da região Norte. Neste sentido, a Associação S.O.S. Rio Paiva já solicitou mais esclarecimentos à ARS-Norte, nomeadamente, quais as diligências efetuadas para corrigir o problema.

A situação não é nova e tem vindo a acontecer em anos anteriores.

A S.O.S. Rio Paiva questiona a C. M. de Arouca se tem conhecimento da origem da poluição na praia do Areinho, quais as diligências efetuadas para identificar a origem do problema e qual o tratamento dado às águas residuais do bar e instalações sanitárias do Areinho, frequentadas por largos milhares de pessoas durante o Verão.

Mais informações na próxima edição impressa