Versatilidade e entrega social de Carlos Esteves reconhecida

Antigo comandante dos Bombeiros Voluntários é o profissional a quem o Rotary Club de Arouca reconhece o Mérito Profissional em 2019, num percurso marcado pelo empenho e diversidade de papéis.

Todos os anos o Rotary Club de Arouca reconhece o mérito profissional a arouquenses que se destaquem na sua atividade. Este ano, na cerimónia agendada para 2 de fevereiro, é homenageado Carlos Esteves, docente, Quadro de Honra dos Bombeiros Voluntários, ex-autarca e até atleta. No seu currículo consta já uma Medalha de Mérito Municipal – Grau Ouro.

Carlos Neto de Oliveira Esteves, nascido a 10 de outubro de 1939, é natural de Cantanhede, mas as suas raízes e memórias estão todas em Arouca, para onde veio viver com apenas dois anos. Foi aqui que casou, com Maria Odete Crespo Oliveira Esteves (também ela já homenageada em cerimónia de Reconhecimento Profissional do Rotary Club de Arouca), e constituiu família, sendo pai de quatro filhos.

Carlos Esteves, frequentou o ensino público primário e secundário em Arouca e no Porto, tendo ingressado no curso de Magistério Primário, na cidade do Porto, concluído em 1961. Mais tarde haveria de concluir também, em 1968, o curso da Escola de Educação Física do Porto e o Bacharelato em Educação Física no ISEF/UT – Lisboa, em 1977.

Por entre este percurso académico, cumpriu o serviço militar obrigatório, tendo estado destacado na província da Guiné, como miliciano, desde 4 de março de 1964 a 2 de fevereiro de 1966, sendo em Louvor Público, reconhecido o meu desempenho, passando, depois disso, à disponibilidade.

A nível profissional, foi professor do ensino básico e secundário nos concelhos de Arouca, Cantanhede, Matosinhos e Porto quase quatro décadas, marcando o percurso de vida de muitos jovens – agora adultos – arouquenses, até à sua aposentação, em 1997.

A sua ligação a Arouca e o seu empenho no desenvolvimento do concelho ficam patentes no envolvimento nas decisões políticas e na sua disponibilidade para desempenhar cargos públicos. Militante do Partido Socialista desde 1976, foi duas vezes eleito para presidente de Junta de Freguesia, foi presidente e 1.º secretário da Assembleia Municipal de Arouca e vereador da cultura e da proteção civil (1983-1987) desta Câmara Municipal.

Mas o papel pelo qual todos o reconhecem é o de Comandante dos Bombeiros Voluntários de Arouca, agora, desde 2012, membro do Quadro de Honra desta associação humanitária. Teve participação ativa no projeto de construção do quartel dos Bombeiros e a mais-valia que o seu conhecimento territorial representa levou-o a desempenhar cargos como o de vice-Presidente da Federação dos Bombeiros do Distrito de Aveiro. Recebeu várias medalhas e condecorações Liga dos Bombeiros Portugueses, com destaque para a atribuição do seu Crachá de Ouro.

O seu papel na comunidade local não se esgota na profissão, política e Bombeiros Voluntários. Carlos Esteves foi jogador e treinador, em duas épocas alternadas, do Futebol Clube de Arouca. A nível social, foi membro da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Arouca, juiz Social junto do Tribunal de Arouca, membro e dirigente em várias instituições de Arouca.

A sua entrega a Arouca e aos arouquenses valeu-lhe, em 2002, a atribuição da Medalha de Mérito Municipal – Grau Ouro. RCA

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.