13ª Edição da Feira da Castanha: Um evento que “foi um sucesso e leva mais longe o nome de S. Pedro de Castelões”

A Praça de S. Pedro, na freguesia de S. Pedro de Castelões, acolheu de 2 a 4 de novembro, a décima terceira edição da Feira da Castanha. O evento, organizado pela Junta de Freguesia de S. Pedro de Castelões em parceira com a Câmara Municipal de Vale de Cambra, tem vindo a afirmar-se cada vez mais, sendo já um dos principais eventos do panorama valecambrense.

Apesar da cerimónia de abertura ter acontecido no dia 2 de novembro ao final da tarde, a 13ª edição da Feira da Castanha de S. Pedro de Castelões teve início pela manhã com o Magusto Infantil, realizado na Praça de S. Pedro, com as crianças que frequentam as escolas da freguesia, nomeadamente do pré-escolar e 1º ciclo. Ao início da tarde, o Baile do Ouriço animou os seniores da freguesia e, já de noite, as atuações do grupo Fifteen Dance e do Grupo Folclórico e Etnográfico de São Pedro de Castelões, animaram o público presente. Decorreu ainda a abertura da exposição fotográfica de Francisco Marques ‘Danças do Mundo, Homenagem à Paz’ e a conferência ‘O castanheiro na economia local’.

No sábado, dia 3, o Free Trail e a Caminhada da Castanha revelaram-se um sucesso, quer ao nível do número de inscrições, quer ao nível da satisfação dos participantes, que elogiaram o percurso escolhido, as belas paisagens e a organização em geral. Decorreu também a apresentação do livro ‘Memórias Soltas II’ de Adolfo Coutinho, bem como a atuação da Banda Juvenil de Junqueira. No mesmo dia houve ainda uma demonstração de Ballet Clássico da Associação Intercaima.

O terceiro e último dia da Feira da Castanha teve início com a 5ª Rota da Castanha em BTT, organizada pelo Intercaimabike, e com a Saída Micológica e Plantas Silvestres, guiada pelo Eng. José Pais. A atuação do Grupo Cénico da A.P.D.C. e o Show Cooking do Chef. Gonçalo Maria, encerraram o certame.

A venda de produtos locais, feira de artesanato e as tasquinhas foram também parte integrante durante os três dias de Feira.

Sérgio Soares, presidente da Junta de Freguesia de S. Pedro de Castelões, fez um balanço do evento

A Feira da Castanha deste ano foi um sucesso. De facto, este resultado, e posso dizer que foi visitada por milhares de pessoas, não acontece por acaso, é sim o reflexo de treze edições em que melhoramos ano após ano, com inovações, com novos espetáculos, mais participantes, mais pessoas envolvidas, promotores locais e regionais nas mais diversas áreas, desde a gastronomia, à agricultura, ao artesanato… Portanto temos vindo a consolidar, ano após ano, a Feira da Castanha que ganha gradualmente mais adesão e consistência na agenda de eventos não só de Vale de Cambra, mas de toda a região e do país. Notamos que a Feira teve ainda mais visitantes. Destaco o sábado à noite, dia 3, como o auge do evento, em que todas as áreas do recinto estavam repletas. Mas também o domingo, mesmo com mau tempo e com os nossos conterrâneos e a prata da casa, teve casa cheia.

Creio que estamos a chegar a um ponto em que já quase não conseguimos destacar atividades em particular. Ou seja, uma aposta nossa é gerar sempre, ao longo dos três dias, espaços, atividades, uma agenda sempre em movimento com coisas a acontecerem para os mais variados públicos. E daí também, o seu sucesso. Contudo, destaco uma estreia interessante que foi o Centro de Educação Ambiental com atividades para todos, mas que regularmente tinha desafios destinados ao público infantil e juvenil e que esteve sempre com uma adesão fantástica. Depois tivemos um ponto alto no sábado à noite com o concerto de Ruizinho de Penacova a levar a Feira ao Rubro.

Também os momentos desportivos, com o BTT e o Trail, têm cada vez mais adeptos. Gostaria de deixar aqui um destaque para todas as atuações, desde o Folclore, às Academias de Dança de Vale de Cambra, passando pelos Cantares e pelas atuações de Bombos a reunirem a adesão de várias centenas de pessoas.

Não podemos também esquecer o “Baile do Ouriço” ou o “Magusto Infantil” que, nas suas vertentes tão específicas, têm sido momentos muito bons. Cerca de 400 crianças das escolas de S. Pedro de Castelões, do ensino Pré-Escolar e do 1.º Ciclo do Ensino Básico participaram no Magusto Infantil. Já o Baile do Ouriço contou com a participação de mais de 320 idosos de São Pedro de Castelões.

Este ano estiveram também no recinto 50 exposições: secretariado, árvores e plantas, mercearia e produtos agrícolas, mel, doces e compotas, tenda de artesanato, e mais 3 artesãos fora da tenda, licores, castanhas de Castelões, associações locais, – com destaque para as Associações de Pais que se fizeram representar significativamente (EB1/JI de Areias, Associação de Pais EB2/3 Dairas, Associação de Pais EB1/JI de Vila Chã e de Macinhata – tenda da gastronomia, loja móvel de exposição e produtos locais, bem como a Exposição de Animais, com bastante procura por parte do público.

Na próxima edição espero, e este é mesmo um objetivo que levamos muito a sério, incrementar o projeto de incentivo à plantação de castanheiros, e da promoção ainda maior da Castanha de Castelões. Estamos certos do valor da castanha e do castanheiro, isso é público e notório com a aposta contínua neste certame. Portanto, antes de tudo, quero ver esse projeto implementado e a crescer, preservando esta herança tão rica. Também é objetivo nosso promover ainda mais a área agrícola e da criação de animais. Tudo o resto será para continuar e para melhorar.

Espero que a Câmara Municipal continue a apoiar o evento e que aposte nele tal como nós apostamos.

Como já disse na revista que lançamos este ano, apoiar a Feira da Castanha é ajudar a Freguesia de São Pedro de Castelões a crescer. Este ano, contamos precisamente com o apoio de várias empresas da freguesia e não só, e com os apoios institucionais da Câmara Municipal. Todos os participantes, animadores, grupos, artistas, artesãos, agricultores, pessoas envolvidas na organização ontem e hoje são sempre apoios e fazem parte desta grande família que já é a Feira da Castanha. A todos o nosso bem-haja.”

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.