Depois dos incêndios de agosto passado, os cerca de 700 metros dos Passadiços do Paiva que ficaram destruídos pelo fogo reabrem ao público amanhã, dia 13 de abril. O percurso pedonal poderá assim ser percorrido na sua totalidade, com toda a comodidade e segurança.

Inaugurados em junho de 2015, os Passadiços do Paiva tornaram-se numa das principais atrações turísticas a nível nacional. A infraestrutura venceu, em 2016, o prémio de melhor “Projecto de Desenvolvimento Líder na Europa” pelos World Travel Awards, considerados os Óscares do Turismo e, este ano, estão novamente nomeados na mesma categoria e na categoria “Atração Turística”.

Construídos ao longo das margens do Rio Paiva, já não é a primeira vez que os passadiços são vítimas dos incêndios florestais. Desde que reabriram, em fevereiro de 2016, depois de afetados pelo primeiro incêndio, já foram visitados por centenas de milhares de pessoas e são considerados uma das grandes atrações turísticas do concelho.

Para visitar os Passadiços do Paiva deve comprar o seu bilhete online, por um euro. A entrada é limitada a 3.500 visitantes diários.