Na sequência da conferência “Fogos florestais: da prevenção ao combate”, o PSD Arouca divulga agora as conclusões do debate, sumariadas num documento independente que se encontra agora disponível para consulta e assinatura no site Petição Pública, com o intuito de ser enviado às autoridades competentes para posterior discussão e aplicação das medidas propostas”, fez saber o partido político em nota à imprensa.

Tal como anunciado no final da conferência por Rui Vilar, Presidente do PSD Arouca, os oradores foram convidados a ser os primeiros subscritores e divulgadores do relatório final preparado pela relatora Ana Hortense Vieira, um dos rostos do recém-criado movimento Matéria-Prima, que visa sensibilizar para a reabilitação e preservação da Serra da Freita.

O referido debate ocorreu em novembro último “no quadro dos acontecimentos do Verão de 2016, no qual os incêndios florestais assumiram proporções sem precedentes num concelho de grande área florestal e pretendeu servir de lugar de reflexão para o desenvolvimento de estratégias de ação e intervenção eficazes no domínio da prevenção e combate, essenciais para evitar que no futuro o mesmo volte a suceder”, lembrou o PSD no mesmo comunicado.

Na altura a conferência contou com a participação de Domingos Xavier Viegas (Professor Catedrático da Universidade de Coimbra e Coordenador do Centro de Estudos sobre Incêndios Florestais), Luís Maia (Presidente da Associação Florestal Entre Douro e Vouga), Celso Portugal (Presidente da Direção dos Bombeiros Voluntários de Arouca), Filipe Amorim (2º Comandante dos Bombeiros Voluntários de Arouca) e moderação de Artur Miler (Presidente da Assembleia Geral da Associação Florestal do Entre o Douro e Vouga).