Após paragem de duas semanas, o Alvarenga deslocou-se a Lamas para defrontar o segundo classificado. Mesmo com a saída de alguns jogadores no “mercado” de inverno, o objetivo deste jogo era vencer. A equipa de Pedro Costa começou bem o encontro, tendo muita posse de bola, faltando a finalização. No entanto, foi a equipa da casa que se adiantou no marcador após defesa incompleta de Godinho que viu um feirense a reagir mais rápido que todos e rematar vitoriosamente. Até ao intervalo o Alvarenga continuou a mandar no jogo, mas a pecar na hora de rematar à baliza.

O segundo tempo começou com os arouquenses a atacar e quase conseguiram o golo aos 49 minutos, numa boa jogada coletiva, que terminou com um passe de Luisinho para Milton e este a ver a bola a ser retirada em cima da linha de golo. O Alvarenga sofreu o segundo golo aos 56 minutos, na sequência de um livre em que o atleta da casa chegou primeiro que os defesas alvarenguenses e desviou para golo. Reagiram os visitantes com dois lances de bola parada, mas a pontaria não estava afinada. Aos 66 minutos Kaique foi expulso e os companheiros sentiram que o jogo estava sentenciado, embora o Alvarenga tenha alterado o seu sistema de forma a procurar o golo com mais homens no ataque. Entraram Diego Lima, Piriquito e Adi. Até ao final registou-se o terceiro golo da equipa da casa e mais dois lances de perigo, um para cada equipa.

Domingo, última jornada da primeira volta, o jogo é no Reinaldo Noronha frente ao Mealhada.

O Alvarenga alinhou com: Hélder Godinho, Lucas, Zé Manel, Kaique Jordan, Galhões, João Hernâni, Luís Letz, Milton Alef, Ayrton, Mateus e Luisinho.

João Paulo Soares