Tiago Brandão Rodrigues, ministro da Educação, presidiu à inauguração formal da Escola Básica e Secundária do Búzio, em Vale de Cambra, na passada segunda feira, dia 12 de dezembro. Centenas de alunos, professores e funcionários esperavam o Ministro, que visitou as instalações da escola e protagonizou momentos de descontração com os alunos.

Requalificar as escolas é absolutamente fundamental, porque as escolas são bem mais do que um edifício público. Enquanto houver escolas velhas e antigas, precisamos de continuar a requalificar” afirmou, no passado dia 12, em Vale de Cambra, o ministro da Educação.

Tiago Brandão Rodrigues, que presidiu à inauguração formal da Escola Básica e Secundária do Búzio, realçou também o investimento de mais de 200 milhões na modernização de dezenas de estabelecimentos de ensino de todo o país.

O equipamento escolar inaugurado conta com 1200 alunos e é também a sede do Agrupamento de Escolas do Búzio (AEB). Nascida em 1974, facto que também foi destacado pelo ministro da Educação por se tratar do ano da democracia em Portugal, a Escola do Búzio iniciou obras em 2010, e só em 2013 é que viu terminada a primeira fase de requalificação. Em finais de 2014, as obras recomeçaram e ficaram concluídas em fevereiro este ano.

Nada simboliza mais a democracia do que a escola. É a partir da escola que os cidadãos se formam, adquirem conhecimentos, apuram as suas competências e as aplicam como cidadãos ativos e pensantes”, afirmou o governante, acrescentando, depois de ter visitado as instalações, que a Escola do Búzio é “uma escola onde são valorizadas as vias profissionalizantes, as artes, o desporto, e também as ciências”.

Pedro Martins, diretor do Agrupamento de Escolas do Búzio, afirmou que a requalificação e ampliação das instalações representa uma melhoria visível nas condições do ensino. “Os discentes, professores e funcionários têm agora melhores condições físicas, que se traduzem num símbolo de sucesso para alunos e encarregados de educação, que apostam o seu percurso académico nesta instituição”.

Destacou também os valores sociais, humanos e ambientais “enquanto eixo transversal das aprendizagens” e referiu algumas atividades inovadores promovidas pela escola como é o caso da Escola TV, as Jornadas do Empreendedorismo e a Loja Social.

José Pinheiro falou sobre o crescimento económico de Vale de Cambra, destacou o investimento de cerca 3,2 milhões de euros no parque escolar do concelho e enumerou as diversas escolas que estão ou irão ser requalificadas, como é exemplo, a escola de Rôge, Macieira de Cambra, Macinhata e Areias.

O Presidente da Câmara Municipal de Vale de Cambra realçou a importância da obra realizada na Escola do Búzio “que orgulha a cidade e a comunidade docente e discente” e “oferece muito mais oportunidades, melhor ensino, e melhor conforto”, reafirmando a vontade de trazer para a Escola Tecnológica cursos técnico profissionais superiores, “que permitem uma formação ainda mais virada para as necessidades de mão de obra qualificada”.

Texto e fotos de Andreia Borges

Tiago Brandão Rodrigues, ministro da Educação, visitou as instalações da Escola do Búzio

Tiago Brandão Rodrigues, ministro da Educação, visitou as instalações da Escola do Búzio