Câmara ainda tenta financiamento para a ponte suspensa

Segundo a Presidente da Câmara, Margarida Belém, a edilidade continua “a tentar encontrar financiamento comunitário para aquele investimento”, para a ponte suspensa pedonal sobre o Paiva. A informação foi dada na reunião do passado dia 2, em resposta a uma interpelação do vereador José Luís Fevereiro. Este autarca social-democrata, depois de salientar que “os recursos disponíveis devem ser criteriosamente aplicados”, quis saber se existe ou não financiamento.

Independentemente da pretensão anunciada, Margarida Belém revelou a “sua convicção que a infraestrutura gerará receitas bastantes para cobrir, a médio prazo, o seu custo”.

Relacionado com esse âmbito aquele Vereador, que se encontrava em substituição de Fernando Mendes, solicitou um “ relatório de visitas por meses, de forma a se aferir a sua evolução comparativamente ao ano transato”. Sendo que para si, e dependendo desses dados, deverão ser estudadas formas para a sua eventual dinamização. Margarida Belém assumiu que “poderá procurar-se enriquecer a informação que sobre o caso é já prestada à Assembleia Municipal, reforçando os relatórios que são disponibilizados àquele órgão”.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.