Arouca e Vale de Cambra marcharam os Santos Populares

Foto: Carlos Pinho

À semelhança de anos anteriores, os Municípios de Arouca e Vale de Cambra assinalaram os Santos Populares com as tradicionais marchas. Em Arouca, o desfile teve lugar na Praça Brandão de Vasconcelos, com a participação de várias associações do concelho. Já em Vale de Cambra, as marchas de Santo António realizaram-se em três dias diferentes, trazendo muitos populares ao centro da cidade.

A Praça Brandão de Vasconcelos recebeu no passado dia 12 de junho, mais uma edição das Marchas Populares. Participaram no desfile o Agrupamento de Escolas de Arouca, a AICIA, a Casa do Povo de Santa Cruz de Alvarenga, o Centro Social de Canelas e Espiunca, Centro Social de Chave, Centro Social Paroquial do Burgo, Centro Social e Cultural de Fermêdo, Escariz e Mato, Santa Casa da Misericórdia de Arouca e Patronato (Centro Paroquial e Social Santa Mafalda), que apresentaram as suas coreografias às centenas de pessoas que assistiram à tradição das marchas populares, onde não faltaram os fatos coloridos e os tradicionais arcos.

A iniciativa contou com a presença da presidente da Câmara Municipal de Arouca, Margarida Belém, e outros elementos do executivo camarário.

As Marchas Populares deste ano foram organizadas pelo Patronato, com a colaboração da Câmara Municipal.

A tradição das Marchas de Santo António, em Vale de Cambra

Integradas no programa das Festas de Santo António, que decorreram de 8 a 13 de junho, tiveram lugar no passado dia 12, nas ruas da cidade, as marchas populares das associações. Do desfile fizeram parte a marcha da Fundação Luíz Bernardo de Almeida com o tema “Macieira e as suas gentes”, constituída por 248 pessoas entre adultos e crianças; seguiu-se a União de Freguesias de Codal, Vila Chã e Vila Cova de Perrinho com “Amor a Vale de Cambra”, constituída por 61 pessoas. A marcha do Centro Social e Paroquial de S. João Batista de Cepelos com o tema “As vindimas em Cepelos” foi a terceira marcha a desfilar. O Centro Social e Paroquial de S. Pedro de Castelões com “Homenagem ao São Pedro” também desfilou, com perto de 80 pessoas. Seguiu-se a marcha da Santa Casa da Misericórdia de Vale de Cambra com o tema “Santo António Padroeiro”, constituída por mais de uma centena de pessoas. A marcha da Associação 2Singular estreou-se nas Festas de Santo António, com o mote “O Vale é liindo!” e com cerca de 30 marchantes. Por fim, a marcha da Freguesia de Junqueira encerrou o desfile, com o “Património da Freguesia”.

As marchas infantis, agendadas para dia 10 de junho e as marchas seniores, agendadas para dia 8 junho, acabaram por não se realizar devido ao mau tempo, estando previstas para os dias 17 e 15 de junho, respetivamente.

Foto: Santa Casa da Misericórdia de Vale de Cambra
Foto: Carlos Pinho

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.