Arouca e Vale de Cambra marcharam os Santos Populares

Foto: Santa Casa da Misericórdia de Vale de Cambra

À semelhança de anos anteriores, os Municípios de Arouca e Vale de Cambra assinalaram os Santos Populares com as tradicionais marchas. Em Arouca, o desfile teve lugar na Praça Brandão de Vasconcelos, com a participação de várias associações do concelho. Já em Vale de Cambra, as marchas de Santo António realizaram-se em três dias diferentes, trazendo muitos populares ao centro da cidade.

A Praça Brandão de Vasconcelos recebeu no passado dia 5 de junho, mais uma edição das Marchas Populares. Participaram no desfile o Agrupamento de Escolas de Arouca, a AICIA, a Casa do Povo de Santa Cruz de Alvarenga, o Centro Social de Canelas e Espiunca, Centro Social de Chave, Centro Social Paroquial do Burgo, Centro Social e Cultural de Fermêdo, Escariz e Mato, Santa Casa da Misericórdia de Arouca e Patronato (Centro Paroquial e Social Santa Mafalda), que apresentaram as suas coreografias às centenas de pessoas que assistiram à tradição das marchas populares, onde não faltaram os fatos coloridos e os tradicionais arcos.

A iniciativa contou com a presença da vice-presidente da Câmara Municipal de Arouca, Margarida Belém, do presidente da Junta de Freguesia de Arouca e Burgo, Fernando Mendes, e outros elementos do executivo camarário.

No final do desfile houve a entrega de uma lembrança ao responsável de cada grupo participante e o lançamento de um balão de São João.

As Marchas Populares deste ano foram organizadas pelo Patronato, com a colaboração da Câmara Municipal de Arouca.

A tradição das Marchas de Santo António, em Vale de Cambra

Integradas no programa das Festas de Santo António, que decorreram de 8 a 13 de junho, teve lugar no passado dia 9 de junho, o X Desfile das Marchas Seniores, organizado pela Santa Casa da Misericórdia de Vale de Cambra, com o apoio da Câmara Municipal. O Jardim da Feira dos Ovos foi o palco do desfile, onde participaram oito marchas, nomeadamente, Fundação Manuel Brandão, Santa Casa da Misericórdia de São João da Madeira, Santa Casa da Misericórdia de Espinho, Centro Social e Paroquial de São João Batista de Cepelos, Santa Casa da Misericórdia de Arouca, Santa Casa da Misericórdia de Ovar, Centro Social e Paroquial de São Pedro de Castelões, Santa Casa da Misericórdia de Castelo de Paiva e a marcha anfitriã, Santa Casa da Misericórdia de Vale de Cambra.

No dia 11 de junho, domingo, foi a vez das crianças desfilarem nas Marchas Infantis. Participaram as marchas da Santa Casa da Misericórdia de Vale de Cambra com o tema “Lavadeiras do Rio Caima”; JI Roge/Fuste com “Cascatas”; Centro Educativo de Arões e Junqueira com “Ceifas”; JI e EB1 de Codal com “Vindimas”; EB1 de Areias com “As flores”; EB1 de Vila Chã com “Vamos à festa”; JI do Búzio com “Fado”; EB1 do Búzio (1º ano) com “Sardinha e Manjerico” e EB1 do Búzio (3º ano) com “Tascas”.

A festa das marchas terminou no dia 12 de junho, nas ruas da cidade, com a marcha da Fundação Luíz Bernardo de Almeida “O Legado de um Benemérito”; Jardim de Infância de Macinhata “Alfaiates e costureiras”; União de Freguesias de Codal, Vila Chã e Vila Cova de Perrinho “A cidade sai à rua”; Centro Social e Paroquial de Cepelos “Água das Fontes de Cepelos”; Centro Social e Paroquial de S. Pedro de Castelões “As lavadeiras do rio Caima”; APDC “O rio” e a marcha da Santa Casa da Misericórdia de Vale de Cambra com o tema “A Suíça Portuguesa”.

Texto de Andreia Borges

Foto: Carlos Pinho
Foto: Câmara Municipal de Vale de Cambra
Foto: Carlos Pinho

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*