F.C. Arouca: Derrota em casa

I Liga de Futebol

Foto: Lusa

O Arouca perdeu frente ao Tondela (1-2), no passado sábado, dia 13 de maio, no Estádio Municipal de Arouca, em jogo da 33ª jornada da I Liga de Futebol. Depois da derrota frente ao Vitória de Guimarães da jornada anterior, a equipa arouquense ainda esteve a vencer com um golo apontado por Crivellaro aos 10 minutos de jogo, mas o Tondela levou a melhor do penúltimo jogo do campeonato.

Depois da derrota frente ao Vitória de Guimarães do passado dia 7 de maio, a contar para a 32ª jornada do campeonato, o Arouca voltou a perder, em casa, frente ao Tondela. Apesar do golo marcado por Crivellaro aos 10 minutos de jogo, a vantagem da equipa arouquense foi “sol de pouca dura”, já que o Tondela empatou a partida um minuto depois. A equipa visitante acabou por marcar o segundo golo nos minutos finais.

Numa altura em que se aponta o nome de José Gomes para o comando técnico do Arouca na próxima época, a formação de Jorge Leitão precisava apenas de um ponto para garantir mais um ano no primeiro escalão, decisão que ficou adiada para a última jornada.

O jogo começou equilibrado, mas com mais “agressividade” por parte do Tondela. Apesar disso, foi o Arouca que inaugurou o marcador, aos 10 minutos de jogo, pelos pés de Crivellaro. O jogador pegou na bola pelo corredor direito e rematou à baliza de pé esquerdo, fora do alcance do guardião Tondelense.

O Tondela não se deixou intimidar e igualou a partida um minuto depois, com um golo apontado por Pedro Nuno. Depois de um mau alívio da defensiva do Arouca, Pedro Nuno não desperdiçou a oportunidade e rematou de pé direito, sem hipóteses de defesa para Bolat. Estava restabelecida a igualdade.

Depois do equilíbrio inicial, o Tondela começou a dominar o jogo, com Miguel Cardoso, Jhon Murillo, Pedro Nuno e Heliardo a protagonizar as melhores oportunidades, que acabaram por não resultar em golo e o empate manteve-se até ao intervalo.

Na segunda parte, o Tondela continuou superior e protagonizou algumas oportunidades. Depois de Vítor Costa ter atirado ao lado da baliza na cobrança de um livre lateral, Kaká e Pedro Nuno estiveram perto de marcar o segundo da equipa visitante. Do lado do Arouca, o treinador Jorge Leitão fez entrar Mateus para o lugar de Artur e o extremo angolano quase fez o segundo golo do Arouca, não fosse a defesa de Cláudio Ramos.

O golo da vitória acabou por surgir mas para o Tondela, novamente marcado por Pedro Nuno, aos 78 minutos. Jubal cometeu uma falta sobre Heliardo, à entrada da área e, na cobrança do livre, Pedro Nuno não perdoou e colocou a equipa orientada por Pepa à frente do marcador, resultado que se manteve até ao final da partida.

Para garantir a manutenção, o Arouca precisa de mais um ponto. Já o Tondela tem de vencer o Sporting de Braga na próxima jornada e esperar que o Moreirense escorregue frente ao F.C. Porto.

Com esta derrota, a equipa de Jorge Leitão ocupa a 15ª posição da tabela classificativa, com 32 pontos. O Tondela ocupa o 17º lugar da lista, com 29 pontos.

Texto de Andreia Borges

F.C. Arouca

C.D. Tondela

1

2

1 Ao intervalo 1

38 – S. Bolat

1 – Cláudio Ramos

6 – Vítor

13 – Jailson

33 – Jubal

4 – Kaká

3 – Hugo Basto

24 – Y. Osorio

5 – Anderson Luís

22 – David Bruno

26 – André Santos

8 – Hélder Tavares

8 – Adilson Goiano

7 – Claude Gonçalves

50 – Crivellaro (Walter González, 85’)

15 – Jhon Murillo (Pité, 90’)

10 – Nuno Valente

17 – Pedro Nuno (Bruno Monteiro, 84’)

7 – Artur (Mateus, 58’)

11 – Miguel Cardoso (Wagner, 66’)

16 – Tomané

Heliardo

JORGE LEITÃO

PEPA

4x2x3x1

4x2x3x1

ÁRBITRO: Carlos Xistra (AF Castelo Branco), auxiliado por Nuno Pereira e Jorge Cruz.

GOLOS: Crivellaro (10’) e Pedro Nuno (11’ e 78’).

DISCIPLINA: Cartão amarelo a: Vítor (31’), Y. Osorio (53’), Jubal (67’), David Bruno (70’), Crivellaro (75’) e André Santos (89’).

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*