Arouca recebeu Prémio Geoconservação 2017

Fotos: Carlos Pinho

A ProGEO Portugal – Associação Portuguesa para a Conservação do Património Geológico – distinguiu o Município de Arouca com o Prémio Geoconservação 2017. Mário Cachão, presidente da associação, não poupou elogios ao trabalho desenvolvido pela equipa do Arouca Geopark e, no final da cerimónia de entrega do prémio, visitou os Passadiços do Paiva.

O Município de Arouca recebeu, no passado dia 22 de abril, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, o Prémio Geoconservação 2017. O prémio é uma iniciativa da ProGEO Portugal – Associação Portuguesa para a Conservação do Património Geológico, que reconhece o projeto de Geoturismo Ativo. Além de entidades nacionais e estrangeiras ligadas ao património natural, do júri fizeram ainda parte elementos da Associação Portuguesa de Geólogos, do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas, da National Geographic Portugal e da tutela europeia ProGEO.

Além da candidatura do município de Arouca, foram também analisadas as propostas dos concelhos de Lousada, Nisa, Penacova, Ponte da Barca, Ribeira Grande, Sintra e da Associação de Municípios do Parque da Serra do Porto (que abrange Gondomar, Paredes e Valongo), sendo que, segundo a ProGEO Portugal, o júri distinguiu “todo o trabalho desenvolvido no âmbito do Arouca Geopark, nomeadamente com os projetos Rota dos Geossítios e Passadiços do Paiva”.

Versão completa na próxima edição em papel

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*